• Flora Quinhones

LIVE 4: Analise crítica do plano de governo de Jader Maretoli

Na quinta-feira, dia 07, Blattes fez a 4ª análise crítica de compromissos firmados pelos candidatos à prefeitura e desta vez, a escolhida foi a chapa de Jader Maretoli e Maria Helena, da coligação Avança Santa Maria.

O plano de 11 páginas foi dividido em 11 eixos, nos quais tratam da Gestão, Educação, Saúde, Transporte e Infraestrutura, Habitação, Saneamento Básico e Sustentabilidade, Cultura esporte e Lazer, Segurança e Mobilidade Urbana, Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda, Assistência e Desenvolvimento Social, Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento.


Dentro da análise, Blattes destacou muitos pontos interessantes, no entanto, questionou a possibilidade orçamentária do município para todas as intenções.

Ricardo frisou a proposta de um estudo sobre o sistema de arrecadação de IPTU, para tornar mais justa a cobrança do mesmo. Ele ainda acrescentou: Hoje se arrecada mais dinheiro com o IPVA do que com o IPTU. “Tem gente que tem pouco e paga muito e tem gente que tem muito e paga pouco imposto” denúncia Blattes.


Ele também elogiou a iniciativa de apoio a escolas inclusivas e a intenção de estimular que escolas comprem produtos, da agricultura familiar do município, para a merenda. Ainda na educação, Ricardo avaliou o projeto de escolas militarizadas: “Seria muito bom se todas as escolas do Brasil tivessem o padrão orçamentário das escolas militares, mas não é simplesmente transformar as escolas públicas em escolas militarizadas, seria bom se existisse uma espécie de convênio que promovesse o apoio de instituições militares nas regiões periféricas” sugeriu o advogado.


Já sobre as propostas da saúde, Ricardo elogiou e disse não se opõe a nenhuma delas, mas questionou mais uma vez o entendimento do candidato sobre o orçamento do município para colocação dos projetos em prática além disso, também julgou as propostas como genéricas, nas quais explicam como será feito. “Tem que dizer como vai fazer isso e tudo isso custa muito dinheiro” afirma Blattes.


Ao finalizar, Ricardo apontou alguns pontos que sentiu falta, como planejamento urbano, já que a cidade está crescendo desordenadamente. Jader trata do assunto como regularização de invasões, mas de acordo com Blattes, é preciso debater o assunto. Ele também sentiu falta de comunicar como será feita a transparência do poder executivo, já que o plano não trata dos diversos conselhos municipais que estão desativados ou deixaram de existir ou como será a estratégia realizada para isso.


Assista a live completa