• Flora Quinhones

LIVE 5: ANÁLISE CRÍTICA DO PLANO DE GOVERNO DE EVANDRO BEHR

Na quinta-feira, dia 09, Blattes fez a 5ª análise crítica de compromissos firmados pelos candidatos à prefeitura e desta vez, a escolhida foi a chapa de Evandro de Behr e Carla Kowalski

O plano de 21 páginas foi dividido em 7 eixos, nos quais tratam de Compromisso social e pertencimento. Empreendedorismo, emprego e renda. Saúde e qualidade de vida. Educação e cidadania. Cultura, esporte e lazer. Meio ambiente. Instrumentos de gestão transparente, eficiente, responsável e integrada.

Ricardo Avalia que tinha maiores expectativas sobre este plano de governo já que o candidato parecia ser o mais pé no chão. Mas o que encontrou foi um discurso.

Entre os pontos positivos, Blattes encontrou 4 pontos e que já foram tratadas em outros planos também . A valorização e paridade nas participações dos conselhos e associações comunitárias. O compromisso com a educação inclusiva e com a gestão de resíduos sólidos. “Já de início Evandro fala da importância de dar voz a população e esse é um ponto positivo” avalia o advogado.

Ricardo também elogiou quando Behr falou em liberdade de empreendimento, significando uma intenção de planejamento para geração de emprego e empreendedorismo mas o plano relaciona isso com a transformação da região em metrópole e neste ponto, o advogado não concorda com o posicionamento. ”Quando se fala em região metropolitana, se fala em uma área de urbanização que não termina e Santa Maia tem um limite. Acho que a ideia de capacitar a região como capital regional tudo bem, mas não com esse nome” acrescenta Blattes.

O candidato a vereador também identificou que o plano não diferenciou pequenos e grandes empreendimentos. E destacou como positivo a intenção de dinamizar a as atividades construtivas já que é a área que mais emprega pessoas e injeta recursos na economia de Santa Maria. Além disso, Blattes questionou duramente a proposta de parceria público-privada para solucionar problemas crônicos de infraestrutura urbana, já que a cidade não consegue fazer nem obras pequenas.

Ricardo finaliza reforçando alguns pontos importantes do texto,mas identifica as propostas como discurso já que elas usam apenas uma boa estruturação escrita mas não dizem muita coisa sobre como serão feitas.


Assista a live completa


Acesse o plano de governo de Evandro Behr aqui