• Flora Quinhones

AGRICULTURA FAMILIAR E SEUS DESAFIOS

Na tarde de quarta-feira, dia 20, o vereador Ricardo Blattes esteve na sede municipal da Coopercedro e Unicentral para ouvir a opinião das cooperativas sobre o que deve ser feito com a agricultura familiar em Santa Maria.

Josemar Brutti apresentando o espaço para Blattes

Estiveram na reunião, Josemar Brutti, presidente da Coopercedro de Alcione Piasentin, presidente Unicentral junto com sua equipe. Na ocasião, os responsáveis explicaram como funciona a dinâmica das cooperativas que usam a mesma sede e também foram debatidos os compromissos colocados pelo vereador durante a campanha.

A principal reivindicação dos presidentes é a reestruturação do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural. “É um conselho vencido, que não tem nem uma cooperativa lá dentro e nem uma de financiadora. O que tem ali são propostas do tempo do Valdeci que não foram atualizadas. Acho que é fundamental mexer!” coloca Josemar. Por sua vez, Ricardo explica que esse não é um problema só do departamento Rural e que já está sendo articulado com outros governantes.

Outra pauta levantada pelo vereador é a forma que as feiras de agricultura familiar estão ocorrendo hoje. De acordo com Josemar, existe um problema de distribuição de produtos pelos agricultores. As famílias deveriam vender apenas alimentos produzidos por elas e o que acaba acontecendo, é que os produtores compram de atravessadores e vendem. Os diretores explicaram que não existe fiscalização para isso porque exige que tenham fiscais disponíveis no sábado, quando as feiras acontecem. O mesmo problema pode ser relacionado para hortas comunitárias, que devem ter um nível de empenho e trabalho maior para mantê-las e sem a disponibilidade de profissionais para ajudar, não seriam possíveis. Esses são alguns motivos para as políticas de agricultura familiar não se desenvolverem.

Ainda foi conversado sobre repasse de produtos locais com descontos muito altos para mercados. Distribuição de alimentos para escolas e a viabilização de um espaço, cedido pelo município, para a construção de um pavilhão, onde as cooperativas possam armazenar e direcionar os alimentos. Desta forma, Ricardo colocou o mandato à disposição dizendo: Eu não sou natural do meio Rural, mas reconheço que é uma pauta importante para a cidade e para o sustento de muitas famílias. É importante que os compromissos firmados não fiquem esquecidos, vamos montar um plano de trabalho para que a agricultura familiar consiga ter um protagonismo na cidade.

__

Coopercedro - Cooperativa de Produção e Desenvolvimento Rural dos Agricultores Familiares de Santa

Unicentral - Central de Cooperativas da Agricultura Familiar