• Flora Quinhones

Essa casa precisa tratar de assuntos eminentemente municipais



Pela 3 sessão seguida, Blattes fez uso da tribuna para cobrar a presidência da Câmara de Vereadores sobre a ordem de tramitação dos projetos.

O vereador reiterou o pedido para que o PL de prioridade de vacinação ao servidores de segurança pública tenha celeridade na tramitação, já que o documento está a quase um mês na Câmara e ainda se quer, tem parecer ou chegou até a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) para ser debatido.

Ele também alertou sobre a possibilidade de haver decisões em outras esferas que possam afetar o debate da Câmara: "Alguns debates que a assemblei legislativa já faz com celeridade que torna os nossos debates aqui por vezes inócuos porque estamos debatendo coisas que outras esferas estão decidindo enquanto tem muito assunto aqui da nossa cidade que importa e destaco a defesa da água e o saneamento público porque esse é um assunto de exclusividade legislativa municipal e por isso precisamos traze-lo para essa casa".


Ordem na Câmara

O vereador sinalizou como boa a atitude do prefeito de ter sancionado o projeto que autoriza a compra de vacinas com prioridade. Lembrando também que o momento é muito grave mediante a falta de leitos de UTI e insumos médicos.

Além disso Ricardo relacionou a importante de organização da casa para que a Câmara de Vereadores não sofra tanto com os movimentos políticos nacionais, relacionados a troca de chancelaria do governo.

"Vivemos um momento de bastante excepcionalidade que vai necessitar dessa casa, para que possamos colocar em ordem as coisas aqui e possamos avançar nos debates que realmente a sociedade de Santa Maria está esperando", afirma o vereador.