• Flora Quinhones

Subsídio vai garantir tarifa de R$4,50 no transporte público

Na tarde desta quinta-feira, dia 19, foi protocolado na Câmara de Vereadores, o Projeto de Lei que dispões sobre o subsídio do transporte público em Santa Maria.



A proposta autoriza a abertura de crédito adicional especial no orçamento municipal, do montante de 6.240.000,0. Segundo o documento, o valor será adicionado ao orçamento do transporte público e irá garantir que a tarifa baixe de R$ 5,34 para R$ 4,50, além de outras compensações no serviço.


O anúncio foi feito pelo Vereador Ricardo Blattes em tribuna na sessão plenária. Segundo ele, a articulação feita desde o ano passado através da comissão de orçamento e finanças garantiu que o subsídio viesse não só para suprir o deficit na tarifa, mas para priorizar um retorno na melhoria do serviço público.


Ele também reforçou que se envolveu pessoalmente no tema do transporte coletivo: “Sobre o pedido de 3 milhões, votei contra porque esse recurso não era suficiente e não tinha impacto nenhum na tarifa, não tinha impacto nenhum na melhoria de serviço. Não tinha impacto nenhum na regularidade das linhas. Nós temos que mostrar o impacto. É dinheiro público. É serviço público e nós precisamos mostrar”. Ainda sobre o tema do transporte, Blattes reforçou que gostaria que a casa estivesse lotada para tratar esse tema com prioridade, incluindo inclusive a necessidade do envolvimento dos principais líderes empresárias. O vereador também cobrou sobre o encaminhamento da lei que regulariza o serviço por aplicativos, também sobre a reorganização do Conselho Municipal de Transporte e a criação de um Fundo de Mobilidade.


“O transporte público no Brasil sofre uma grande crise e essa crise necessita que o Estado coloque a sua mão, os seus recursos. Mas de forma inteligente e transparente". Confira as cobranças feitas em tribuna